Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quimeras e Utopias

Quimeras e Utopias

Os Biebers desta vida

Quando os anos nos começam a cair em cima, vindos mais depressa do que os conseguimos assimilar, a adolescência vai-se distanciando e damos por nós a criticar inevitavelmente certas «fraquezas» da juventude.

 

Lá estou eu a olhar para as fãs de Justin Bieber e a abanar a cabeça em tom reprobatório. Onde raio têm aquelas miúdas a cabeça. O mocito é fraquito, parolo e malcriado. Não há por aí mais nada de jeito que justifique tanta gritaria, horas de espera ao frio, delírio coletivo?!

 

Depois recordo a minha fútil paixão adolescente e calo-me. O mais certo é todos nós termos um Bieber nas nossas vidas do qual, passados anos, ainda gostamos secretamente. Uma paixão envolvida em vergonha, que só a custo confessamos.

18 comentários

Comentar post